best website builder Foi aprovada esta tarde, em Reunião de Câmara, a abertura do Concurso Público da segunda fase da Requalificação de parte da Estrada Municipal 569, na freguesia de Banho e Carvalhosa. A obra vai permitir ligar mais 67 casas às redes públicas de água e saneamento e tem como preço base 883 mil euros.

“Este é mais um grande investimento que fazemos em água e saneamento no nosso concelho e que vai permitir ligar mais 67 casas à rede pública, em Banho e Carvalhosa. Esta empreitada tinha sido identificada como prioritária, porque vai permitir suprir um conjunto de constrangimentos da população da freguesia. Com a sua conclusão fazemos um reforço naquilo que são as nossas políticas de saúde pública”, afirmou a Presidente da Câmara Municipal, Cristina Vieira.

A empreitada prevê a execução da segunda fase da rede de drenagem de águas residuais e de uma rede de distribuição de água, com o objetivo de eliminar um conjunto significativo de captações subterrâneas de água e fossas particulares na freguesia, estando prevista a construção de 67 ramais.

Está ainda prevista a execução coletores de águas residuais, uma estação elevatória de águas residuais, uma rede de drenagem de águas pluviais e posterior requalificação da EM 569, com a pavimentação da via a tapete betuminoso.

Esta empreitada, que vai agora ser levada a concurso, tem um prazo de execução de 365 dias.

A Câmara Municipal já tinha levado a cabo uma primeira intervenção na EM 569, na qual realizou um investimento de 585 mil euros, de forma a construir 51 ramais de abastecimento de água e de águas residuais em Banho e Carvalhosa.

Com esta empreitada, o investimento na freguesia vai ultrapassar 1,4 milhões de euros, permitindo ligar um total de 118 casas às redes públicas de água e saneamento.