Hora local: 04:29
logotipo
Você está aqui: Município > Ambiente > Conselhos importantes

Conselhos importantes

A ÁGUA é um bem que nos faz falta, se não a pouparmos em cada tarefa do nosso dia-a-dia, mesmo depois de começar a chover as consequências da seca vão continuar a fazer-se sentir no entanto se reduzirmos o consumo ela chega para todos:

  • Enquanto lava os dentes ou se barbeia feche a torneira - pode poupar de 10 a 30 litros de água;
    Num banho de imersão gasta cerca de 260 litros de água, num duche gasta 25 litros se demorar 5 minutos e se enquanto se ensaboar não deixar correr a água do chuveiro;
  • Utilize o autoclismo só quando for necessário, não transforme a sanita em recipiente de lixo - restos de comida, cabelos, papeis, cotonetes e cigarros vão para o lixo, pois em cada descarga do autoclismo gasta cerca de 10 a 20 litros de água;
  • Quando lavar o carro utilize a mangueira só quando for preciso no resto do tempo feche a torneira e use um balde e esponja;
  • Regue só quando realmente for necessário e durante pouco tempo - lembre-se que um vaso só precisa de um copo de água e regar de manhã cedo ou à noite é poupar água que se perde com o calor ou o sol; se possível, para este fim, utilize água de poços ou ribeiros ou mesmo água da lavagem de legumes ou frutos;
  • Não lave a loiça em água corrente, utilize a bacia do lava-loiça ou um alguidar; não lave a loiça peça a peça , junte-a e lave-a uma ou duas vezes por dia; antes de lavar os pratos tachos e panelas ou frigideiras limpe-os com papel e se necessário deixe "de molho" os tachos e panelas; use a mínima quantidade de detergente necessário para uma lavagem eficaz assim poupará água e detergente;
  • Não ponha a máquina de lavar loiça a trabalhar sem a carga completa pois gasta 60 litros de água em cada lavagem;
  • Use a máquina de lavar roupa com a carga máxima _ uma máquina de lavar roupa consome 150 litros de água por lavagem; para pouca roupa ou peças isoladas não use a máquina, lave à mão e utilize depois a água para lavar o chão da cozinha;
  • Não se esqueça de fechar bem as torneiras e se estiverem avariadas mande logo conserta-las pois pode desperdiçar mais de 200 litros de água por dia;
  • Se vir uma fuga numa boca de rega ou noutro ponto da conduta previna a sua junta de freguesia ou a câmara municipal;

A gestão dos RESÍDUOS deve ser orientada de modo a reduzir a quantidade e perigosidade e aumentar a sua valorização para que nos aterros se faça apenas deposição de resíduos da fracção residual dos processos produtivos e dos sistemas de valorização que não se podem valorizar com as tecnologias actuais:

  • Nas festas use loiça em vez de copos e pratos de papel;
  • Use guardanapos de pano;
  • Use esfregões em vez de rolos de papel;
  • Os resíduos sólidos domésticos devem ser devidamente acondicionados em sacos de plástico bem fechado e colocados dentro do contentor;
  • Feche sempre o contentor do lixo para evitar maus cheiros e evitar o aumento do peso dos resíduos com a água da chuva;
  • Escolha produtos com recarga e vasilhame com tara assim diminui os resíduos produzidos;
    Separe os resíduos recicláveis e coloque-os no ecoponto mais perto de si no seu devido contentor.
  • Não abandone os resíduos de grandes dimensões (frigoríficos, fogões, etc.) nas bermas das estradas ou nas matas, leve-os ao ecocentro mais perto de si;
  • Entre produtos iguais, opte pelo que tiver menos embalagens e pelo que tiver formatos maiores _ quanto mais pequeno for o formato mais embalagens se gastam e mais são os resíduos produzidos;
  • Quando for ás compras leve um saco de casa ou um cesto;
  • Entregue os medicamentos fora do prazo em farmácias pois os medicamentos possuem determinados compostos orgânicos e químicos que se forem libertados para o meio ambiente podem provocar graves problemas de contaminação;
  • Opte por aparelhos eléctricos e em caso de necessidade compre pilhas recarregáveis;
  • Não deite o lixo nos cursos de água pois o tempo de decomposição de materiais usualmente atirados para os rios e mares é:

papel - de 3 a 6 meses
material com fibras - mais de 30 anos
pano - de 6 meses a um ano
plástico - mais de 100 anos
pastilhas elásticas - 5 anos
metal - mais de 100 anos
filtro de cigarro - 5 anos
borracha - tempo indeterminado
madeira pintada - 13 anos
vidro - 1 milhão de anos

Uma casa energeticamente eficiente protege o ambiente e facilmente conseguimos POUPAR ENERGIA nas diversas acções simples e comuns do nosso dia-a-dia, sem diminuir o grau de conforto, reduzindo os custos e aumentando a eficiência energética:

  • Desligue o televisor e outros aparelhos no respectivo interruptor pois com o comando à distância continua a gastar cerca de ¼ da sua energia;
  • No fogão, adequar o diâmetro dos recipientes à dimensão da chama ou ao diâmetro da placa eléctrica e sempre que possível utilizar a panela de pressão;
  • Deixe o esquentador ou cilindro eléctrico ligado só durante o tempo necessário;
  • Opte pela calaflagem de portas e janelas em casa, no entanto tenha em atenção a ventilação;
    Quando for ao frigorífico tente colocar ou retirar tudo o que necessita de uma vez, mantenha-o o mínimo de tempo possível aberto e no final certifique-se de que ficou bem fechado; não o coloque junto ao fogão e proteja-o dos raios solares, além disso se tiver folga a toda a volta funciona melhor pois o ar circula melhor assim como também se se mantiver uma manutenção periódica como descongelar, limpar a grelha posterior e verificar a borracha de vedação;
  • Prefira lâmpadas de halogéneo, gastam ¼ da energia; e duram 10 vezes mais;
  • Isole a sua casa de modo a não ter perdas de calor para o exterior;
  • Opte por lareiras fechadas ou recuperadores de calor, são mais eficientes do que as lareiras abertas;


Além disso qualquer outro gesto que nos pareça insignificante para nós pode ser muito importante para ajudar à sobrevivência do meio ambiente, como a PRESERVAÇÃO da qualidade do ar, das águas e dos espaços verdes:

  • Opte por papel higiénico reciclado e não perfumado, os perfumes são poluentes dispensáveis;
  • Evite detergentes com fosfatos (consulte o rótulo)
  • Quando for à praia ou quando fizer piqueniques deixe o local como o encontrou, deite o lixo nos contentores e se fizer fogueira faça-a nos locais indicados para o efeito certificando-se no final de que ficou bem apagada;
  • Apague bem os cigarros e não os atire janela fora quando vai no carro;
  • Mantenha os motores dos carros e motorizadas afinados e mantenha um cuidado particular com os escapes;
  • Prefira veículos a gás - a solução mais económica e amiga do ambiente.
  • Utilize produtos reciclados, no seu fabrico poupa-se muitas matérias-primas, energia e preservamos os recursos naturais;